pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Europa, Aeroportos

Aeroporto de Lisboa testa a partir de 15 de março de 2015 a leitura electrónica da iris

Aeroportos europeus em 2017

«Os testes para o “Smart-Borders” arrancam este Domingo (15) no Aeroporto de Lisboa. Trata-se de um novo programa europeu de fronteiras, que promete trazer rapidez no escoamento de passageiros, ao mesmo tempo que permite uma fiscalização mais rigorosa.
Entre as novidades testadas está a introdução de uma nova forma de controlo individual: a leitura electrónica da iris.
O projecto estará concluído em meados de 2017, altura em que os países do espaço Schengen terão a capacidade de registar as entradas e saídas de todos os estrangeiros oriundos de outros estados.
O sistema permitirá fazê-lo de forma uniformizada com ligação entre os estados, mas sobretudo, utilizando para o efeito os equipamentos de leitura de passaportes electrónicos que já dispõem.
Alargado a Schengen
Ou seja, o sistema electrónico – conhecido por RAPID – passará a aceitar passaportes de todos os países que entretanto estabelecem essa parceria com o Espaço Schengen, criando-se inclusive um registo de passageiros frequentes – ideia que nos últimos meses ganhou força com a ameaça terrorista.
Uma grande novidade neste projecto é a tentativa de incluir a leitura da iris entre os dados biométricos que constam dos passaportes. Actualmente resumem-se à fotografia, às impressões digitais, e os dados biográficos.
Diz a Comissão Europeia que a aplicação deste programa irá tornar a passagem pelos aeroportos e portos europeus bastante mais rápida, mas também bastante mais segura.
Os testes começam este domingo no Aeroporto de Lisboa, e até Setembro irão alargar-se progressivamente a outras cidades europeias.
A participação de passageiros nos testes é voluntária, e no caso português será direccionada apenas para meia dúzia de nacionalidades pré-definidas, entre as quais a brasileira.»

Celso Paiva Sol, artigo publicado na página de internet “Rr “
(15 Março 2015)

Artigos relacionados

Mais em Aeroportos, Europa (98º de 1149 artigos)

«Os postos de fronteira nos aeroportos vão ter novos equipamentos de recolha de dados biométricos no âmbito do novo sistema de entradas e saídas de controlo de passageiros da União Europeia. O ...