pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

África, Aeroportos

Moçambique – Aeroporto de Nacala (MNC) recebe certificado internacional

«O Aeroporto de Nacala, norte de Moçambique, já possui certificado para operações internacionais, um ano depois de sua inauguração, anunciou o Instituto de Aviação civil de Moçambique (IACM).
O certificado é a demonstração de que o Aeroporto de Nacala, na província de Nampula, tem condições de operacionalidade para receber tráfego aéreo doméstico e internacional, afirmou João Abreu, presidente do IACM, citado hoje pelo diário Notícias.
“O aeroporto certificado estará, desde já, sujeito à supervisão através de auditorias, inspeções programadas e não programadas para aferir a manutenção das condições que ditaram a concessão da certificação”, disse João Abreu.
Segundo o presidente do IACM, o certificado, entregue na terça-feira ao presidente do conselho de administração da empresa pública Aeroportos de Moçambique (ADM), deverá ser agora divulgado na Publicação de Informações Aeronáuticas, que reúne detalhes essenciais sobre navegação aérea.
O aeroporto foi inaugurado a 13 de dezembro de 2014 pelo então Presidente moçambicano, Armando Guebuza, recebendo o primeiro voo das Linhas Aéreas de Moçambique, que nesse dia abriu uma nova ligação entre Maputo e Nacala.
Em setembro passado, a ADM anunciou a sua pretensão de reduzir o número de infraestruturas aeroportuárias das atuais oito para apenas três: Maputo, Beira e Nacala.
Sobre as dúvidas em relação à rentabilidade do Aeroporto Internacional de Nacala, o presidente do conselho de administração da ADM declarou, na altura, que aquele terminal aéreo foi construído como um projeto de futuro, tendo em conta o potencial de expansão da atividade económica no norte do país.
Emanuel Chaves referia-se ao projetado início da exploração de gás natural na próxima década e à conclusão da linha férrea entre as reservas de carvão na província de Tete, centro do país, e o porto de Nacala.
O Aeroporto de Nacala, iniciada pela construtora brasileira Odebrecht em 2011 e com um custo estimado em 160 milhões de euros, tem capacidade para receber pouco mais de 500 mil passageiros e cinco mil toneladas de carga por ano.»

Lusa, artigo publicado na página de internet
(17 Dezembro 2015)

Aeroporto de Nacala

Mais em Aeroportos, África (159º de 369 artigos)

«Os aeroportos internacionais de Moçambique serão reduzidos para três, passando a zona sul a ser servida pelo de Maputo, a zona centro pelo da Beira e a zona norte pelo de Nacala, disse o presidente da ...