pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, Aviação Comercial, Ásia e Oceânia

A Emirates recupera até final de julho cerca de 90% da sua rede pré-pandemia

A Emirates vem reconstruindo gradualmente e em segurança a sua rede de rotas e avança na sua estratégia para otimizar a presença nos principais mercados para atender à crescente procura de viagens de negócios e lazer, bem como a passageiros que visitam amigos e família. Hoje, a Emirates voa para 115 destinos e, até ao final de julho, terá recuperado cerca de 90% da sua rede pré-pandemia, operando 880 voos semanais para 124 cidades.

Em Julho, a companhia aérea retomará os voos para sete cidades, incluindo: Veneza a 1 de julho; Phuket, Nice, Orlando e Cidade do México a 2 de julho; Lyon a 9 de julho e Malta a 14 de julho. A Emirates também lançará voos para a segunda maior cidade da Flórida e um dos locais de férias mais populares do mundo, Miami, a partir de 22 de julho. Mais voos para os principais destinos nos Estados Unidos, com o rápido avanço na vacinação e a reabertura de viagens aéreas, a Emirates continuará a fortalecer a sua presença. Com a adição de Miami à sua rede em julho, a Emirates vai operar mais de 70 voos semanais para os EUA, oferecendo mais de 26.000 lugares para 12 cidades, incluindo Boston, Chicago, Nova York (JFK e Newark), Houston, Dallas, Los Angeles, São Francisco, Seattle, Washington DC e Orlando. A companhia aérea também está a aumentar as suas operações transatlânticas Milão-Nova York e Atenas-Newark para responder aos grandes volumes de passageiros e procura pelas suas cabines premium.
Uma rede de verão do A380
A Emirates também aumentará a sua rede de A380 neste verão, levando uma experiência única para 15 cidades em 129 voos semanais. Durante o verão, a companhia aérea planeia ativar mais de 30 dos seus A380 para aumentar a sua frota de 151 Boeing 777s. A experiência do Emirates A380 continua a ser procurada pelos passageiros, por causa dos seus produtos exclusivos, espaço, silêncio e níveis incomparáveis ​​de conforto. A Emirates irá operar com o A380 nas seguintes cidades durante o verão: Cairo, Jeddah, Amã, Guangzhou, Londres Heathrow, Manchester, Frankfurt, Viena, Paris, Munique, Moscovo, Nova York JFK, Los Angeles, Washington D.C. e Toronto. A reintrodução do A380 nas operações demonstra a importância do avião para a estratégia de recuperação e crescimento da Emirates. O A380 garante o uso eficiente da capacidade em rotas de grande procura e permite que a Emirates ofereça a sua experiência do A380 a mais passageiros, ajudando a companhia aérea a manter a sua posição de liderança nas principais cidades de sua rede. Os passageiros da Emirates irão viajar em segurança pois esta continua a ser uma prioridade com as medidas de saúde e segurança mais recentes em vigor. Ao voar para fora de Dubai, os passageiros podem tirar proveito da tecnologia sem contato em quase todas as etapas da sua viagem. A companhia aérea também aumentará os seus recursos de verificação digital, proporcionando aos passageiros mais oportunidades de utilizar o IATA Travel Pass neste verão.

Artigos relacionados

Mais em Ásia e Oceânia, Aviação Comercial, Ground Handling (140º de 1148 artigos)

A Emirates anunciou que retomará o serviço do A380 para o Aeroporto Domodedovo de Moscovo (DME) ...