pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, Aviação Comercial, Ásia e Oceânia

Aviação Comercial – A Emirates voa para o Chile (SCL) com escala em São Paulo (GRU)

A Emirates iniciará partir do dia 5 de julho de 2018 uma nova rota entre o Dubai e o Aeroporto Internacional de Santiago (SCL), no Chile, com escala no aeroporto de São Paulo. O voo EK263 partirá do Dubai às terças, quintas, sextas, sábados e domingos,

às 09:05hrs, hora local, chegando a São Paulo às 17:00hrs, saindo novamente às 18:30hrs e aterrando em Santiago às 21:40hrs do mesmo dia. O voo de regresso EK264 partirá de Santiago às segundas, quartas, sextas, sábados e domingos às 01:10hrs, hora local, e aterrará em São Paulo às 05:55hrs. Este voo sairá da cidade brasileira para o Dubai às 07:45hrs, chegando às 05:15 do dia seguinte.
Com este novo serviço, a Emirates voará mais cinco vezes por semana para São Paulo, complementando o voo diário que a companhia aérea já faz com o A380, entre o Dubai e a cidade brasileira, perfazendo um total de 12 voos por semana para São Paulo. O voo da Emirates para Santiago servirá como um serviço de ligação com São Paulo, o que significa que os passageiros da América do Sul podem agora viajar entre as duas cidades com classe e conforto incomparáveis. Os cidadãos quer do Brasil, quer do Chile apenas precisarão dos cartões de cidadão para viajar para qualquer um dos países.
A comentar a nova rota da Emirates, Sir Tim Clark, Presidente da Emirates Airline, diz que: “O início das nossas operações para o Chile sublinha o nosso compromisso para com a América do Sul, com o nosso quarto destino no continente e outros cinco voos para São Paulo. Estamos contentes por adicionar um destino que tem sido bastante procurado pelos nossos consumidores e estamos ansiosos por trabalhar com as várias partes envolvidas no Chile para podermos oferecer o nosso produto único e serviço premiado aos passageiros de lá.”

Artigos relacionados

Mais em Ásia e Oceânia, Aviação Comercial, Ground Handling (2º de 671 artigos)

O voo será operado por um Boeing 777-300ER da Emirates numa configuração de três classes, com oito suites privadas em Primeira Classe, 42 lugares em Classe Executiva e 310 em Classe Económica. ...