pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, Europa, Aviação Comercial

Aviação comercial com 15,2 mil aviões parados e 2 milhões de voos cancelados

«Os dados atualizados da Associação Internacional do Transporte Aéreo (IATA) e da consultora CIRIUM, mostram que as quantidade de aviões parados e voos cancelados

ainda não chegaram ao topo da curva, enquanto o setor combate a pandemia do novo coronavírus.
Segundo a consultoria de inteligência para aviação CIRIUM, a espera por evidências de que o número de aviões armazenados está atingindo seu pico parece continuar ao menos por mais alguns dias. Segundo dados da empresa de pesquisas, hoje já são 15.200 aeronaves de passageiros parados em todo o mundo. O critério da consultoria considera aeronaves paradas por, pelo menos, sete dias consecutivos. O total verificado na data de hoje representa 58% da frota mundial parada devido à pandemia do novo coronavírus. Pelos cálculos, estão ativos ao redor do mundo outros 11.100 jatos.
A consultoria salienta que continua a observar uma redução drástica na utilização das aeronaves maiores. Atualmente, existem apenas 23 Boeing B747 de passageiros em serviço de uma frota total de 184, enquanto classifica apenas 12 da frota total de 239 aeronaves Airbus A380.
Em outra análise, a empresa usa suas 600 fontes de dados de voos, para criar o gráfico abaixo, que mostra a proporção da frota de cada companhia aérea (tipos Airbus e Boeing) que voou pelo menos uma vez nos últimos sete dias (até domingo, 5 de abril). Muito interessante observar algumas empresas com mais aviões em voo, enquanto outras estão totalmente no chão.

Mapa

Essa análise mostra que transportadoras chinesas como Shenzhen Airlines e Xiamen Airlines voaram quase todas as suas aeronaves pelo menos uma vez nos sete dias anteriores, enquanto, por outro lado, a EasyJet, da Europa e a IndiGo, da Índia operaram praticamente zero voos regulares.»

 

Artigos relacionados

Mais em Aviação Comercial, Europa, Ground Handling (31º de 1108 artigos)

O transporte aéreo de passageiros vai ser limitado a dois terços da lotação normalmente prevista para cada aeronave, ...