pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Europa, Aviação Comercial, América do Sul

Aviação comercial – TAP e Azul Brasil esperam ver aprovada uma joint venture

TAP e Azul esperam ver aprovada uma joint venture tornando assim a TAP a mais forte companhia aérea europeia a voar para o Brasil,

atualmente a TAP voa para onze destinos a partir de Lisboa.
A Azul é a maior companhia aérea do Brasil com 755 voos diários para 104 destinos.

Vantagens e desvantagens da Joint Venture
Uma das principais vantagens da joint venture é que as empresas envolvidas partilham os riscos e custos dos projetos, o que é essencial tendo em conta que muitos desses projetos requerem um grande investimento na fase inicial. Além disso, a joint venture oferece a oportunidade de diferentes empresas aprenderem umas com as outras, ultrapassando os desafios de forma mais eficiente e competindo no mercado com mais competência.
No entanto, a joint venture pode representar um maior risco de fracasso dos objetivos, porque a dinâmica de trabalho entre duas empresas distintas é sempre mais complicada, e a empresa menos competente poderá ser um empecilho para o sucesso do projeto. No âmbito da joint venture, iniciar e gerir os projetos requer bastante mais tempo e o processo de tomada de decisões fica menos flexível, já que é preciso gerir as ideias e vontades das duas (ou mais) empresas.

Artigos relacionados

Mais em América do Sul, Aviação Comercial, Europa (12º de 891 artigos)

«O anúncio chegou por comunicação interna aos funcionários no final da semana passada: a Embraer vai passar a chamar-se Boeing Brasil – Commercial. O novo nome resulta da venda de 80% da divisão de ...