pista73.com

conte√ļdos de avia√ß√£o comercial

Inicio

Ground Handling, √Āsia e Oce√Ęnia

Aeroporto de Nova Deli – detetada fuga de material radioativo durante o carregamento da aeronave

Uma fuga de material radioativo foi detetada no aeroporto internacional de Nova Deli num carregamento de medicamentos, que foi selado por equipas de emerg√™ncia, segundo fonte oficial citada pela ag√™ncia France Presse (AFP). Quatro caixas de medicamentos radioativos foram encontradas danificadas perto da zona de processamento de carga da companhia a√©rea turca ‘Turkish Airlines’, disse √† AFP um oficial da For√ßa Nacional de Resposta a Desastres.

O canal de televisão local NDTV noticiou que dois trabalhadores do aeroporto internacional Indira Gandhi que foram expostos à fuga foram levados para o hospital para exames de precaução.
“A situa√ß√£o est√° sob controlo, as nossas equipas est√£o no local e n√£o h√° necessidade de entrar em p√Ęnico”, acrescentou sob condi√ß√£o de anonimato o oficial da for√ßa de emerg√™ncia, acrescentando que “especialistas em energia at√≥mica est√£o a estudar e a analisar a situa√ß√£o, e o carregamento foi isolado”.
As autoridades do aeroporto garantem que a √°rea de exposi√ß√£o √© muito longe de qualquer um dos terminais de passageiros, e que “n√£o h√° absolutamente qualquer risco” de estes serem expostos √† radia√ß√£o.
“A √°rea em quest√£o foi selada e, segundo uma an√°lise preliminar da situa√ß√£o, o material √© pouco radioativo”, afirmaram em comunicado, acrescentando que “todas as opera√ß√Ķes com passageiros est√£o a proceder com seguran√ßa e normalidade, sem qualquer interrup√ß√£o”.
O ministro do interior indiano Rajnath Singh confirmou o incidente, confirmando que “a fuga foi selada”.
O material, identificado como Iodo Radioativo I-131, é usado para tratar problemas na tiróide e deveria ter sido entregue a um hospital privado na capital indiana.

adapta√ß√£o do texto publicado na p√°gina de internet “Noticias ao Minuto
(31 Maio 2015)

Sobre O I-131
Entre os is√≥topos j√° conhecidos do iodo, o I-131 (iodo radioativo) √© utilizado na medicina de diagn√≥stico para o tratamento de tumores na tir√≥ide. Pois, esse is√≥topo liberta radia√ß√£o com caracter√≠sticas semelhantes √†s dos raios-x e radia√ß√£o beta, sendo esta √ļltima capaz de destruir as c√©lulas carcinog√™nicas em quest√£o (iodoterapia). A radia√ß√£o gama (tamb√©m emitida por n√ļcleos de iodo 131) √© empregada em servi√ßos de diagn√≥stico (como a cintilografia) ‚Äď portanto, o I-131 tamb√©m pode ser utilizado para o mapeamento da tir√≥ide.
Este is√≥topo possui meia-vida em torno de 8 dias, assim, durante algum tempo, o paciente submetido a qualquer tratamento que utilize tal subst√Ęncia deve manter-se afastado de outras pessoas, pois, com a ingest√£o do I-131 (meio pelo qual √© inserido no organismo) a radia√ß√£o emitida consegue ultrapassar as barreiras musculares e √≥sseas, ou seja, qualquer um que esteja por perto ou em contato prolongado estar√° exposto desnecessariamente.
A expuls√£o se d√° por via urin√°ria (recomenda-se alto consumo de √°gua para que o volume de urina aumente e mais iodo possa ser expelido), fecal, salivar ou pelo suor. Sendo que, apenas uma pequena parte √© absorvida pela gl√Ęndula. Mesmo assim, a quantidade necess√°ria para administra√ß√£o s√≥ pode ser determinada ap√≥s an√°lise cl√≠nica.
Fonte:InfoEscola

Artigos relacionados

Mais em √Āsia e Oce√Ęnia, Ground Handling (79¬ļ de 405 artigos)

«A regula√ß√£o visa que os avi√Ķes sejam inspecionados de surpresa ao aterrar para averiguar o estado dos tanques. Se estiverem vazios, a companhia a√©rea detentora do avi√£o ter√° de pagar uma multa. ...