pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, América do Sul

Aeroporto Verde – Real Aviation Brasil no GHI 2022 em Amesterdão sobre operações 100% elétricas

A experiência de operação 100% elétrica no Aeroporto Internacional de Confins, na região Metropolitana de Belo Horizonte, irá levar a Real Aviation Services, fundada há cinco anos, com 600 funcionários e estando em 16 aeroportos no Brasil, para a Ground Handling International, em Amsterdão, de 29 de novembro a 1 de dezembro. A Real Aviation será a única empresa brasileira de serviços de assistência em escala a participar como orador. Dentro do painel sustentabilidade, o tema “A retomada 100% elétrica – uma história latino-americana” será abordado pelo coordenador de Qualidade e Segurança, Paulo Vinycius de Andrade Santos. A intenção é compartilhar como se deu todo o planeamento e desenvolvimento do projeto pioneiro na América Latina e a participação dos agentes envolvidos. O painel ainda tratará sobre eficiência operacional em operações elétricas e responderá questionamentos como a validade dos equipamentos elétricos em atividades como pushback.
“Iremos mostrar como a operação elétrica em Confins trouxe eficiência em vários aspectos, como redução de custo e otimização operacional. Além disso, falaremos sobre a interação e atuação dos diferentes agentes protagonistas nesta iniciativa. Mostraremos, ainda, a importância de uma rampa cada vez mais elétrica e os benefícios para empresas, colaboradores e, principalmente, para o meio ambiente”, afirma Paulo Vinycius.
Para o CEO da Real Aviation, Adriano Bruno, o diferencial da empresa foi conseguir realizar uma operação 100% elétrica. “É muito raro um aeroporto ter uma operação totalmente elétrica, por isso a Real Aviation foi pioneira na América Latina. Até mesmo no mundo todo é difícil conseguir a totalidade elétrica e estamos colaborando globalmente para a redução de emissão de CO2”, afirma.
A Conferência Anual Ground Handling International é o mais importante evento de aviação para novas oportunidades de negócios e para a constante busca da excelência em serviços terrestres. Desde a sua estreia em 1999, a conferência tornou-se conhecida pela qualidade dos participantes e grande presença de tomadores de decisão. A Real Aviation Services é uma ESATA (Empresas de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo) que oferece serviços de Ground Handling – abrange todos os serviços prestados em terra para apoio às aeronaves, passageiros, bagagem e carga – com sede em Belo Horizonte, no Aeroporto da Pampulha / Carlos Drummond de Andrade.

Artigos relacionados

Mais em América do Sul, Ground Handling (136º de 912 artigos)

A Latam anunciou a continuidade do processo de transferência dos serviços operação de Ground Handling (rampa, limpeza e GSE) para empresas especializadas. ...