pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, Europa

Assistência em Escala – Aeroporto de Amesterdão (AMS) em 2022 com resultados negativos

O Royal Schiphol Group, proprietário e operador de três aeroportos, Amsterdam Airport Schiphol (AMS), Rotterdam The Hague Airport (RTM) e Lelystad Airport (LEY) apresentou durante o ano de 2022 um prejuízo financeiro de € 77 milhões.
Um número elevado de despedimentos durante a pandemia levou à falta de trabalhadores considerados essenciais o que originou perdas incalculáveis, causando milhares de cancelamentos, atrasos, adiamento de centenas de viagens, além de perdas de bagagem muito acima da média.
Devido a desafios operacionais, o aeroporto foi forçado a introduzir limites de passageiros que se irão manter até novembro de 2024.
Movimentos 2022
397.646 movimentos no Aeroporto Schiphol de Amesterdão (AMS), um aumento de 49% em relação a 2021.
Carga aérea (AMS)
o volume de carga no AMS diminui 14% para 1,44 milhão de toneladas. Aviões cargueiro 18.340 , uma queda de 24% em relação a 2021

Amsterdam Schiphol Reports €77 Million Loss Amid Capacity Issues

Artigos relacionados

Mais em Europa, Ground Handling (124º de 1418 artigos)

Num segundo semestre que registou um aumento homologo muito significativo do número de passageiros e movimentos, a ANAC contabilizou um total de 6.832 reclamações de passageiros que, por comparação com as ...