pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, Europa

Carga aérea – A irlandesa, ASL Aviation, planeia operar com dez cargueiros para a Amazon na Europa

O actual CEO da companhia aérea ASL Aviation Holdings, sediada na Irlanda, revelou que pretende intensificar a parceria já existente com a gigante do retalho online Amazon

– segundo Hugh Flynn, a ASL tem a intenção de operar dez aviões cargueiros na Europa para a empresa liderada por Jeff Bezos.
A companhia aérea ASL Aviation, que em 2016 adquiriu a TNT Airways, pretende apostar na operação de uma dezena de aviões cargueiros para a Amazon em céu europeu, assim expandindo o portefólio de ligações aéreas já efectuadas em prol da companhia de retalho em território europeu (com particular incidência na Polónia, Reino Unido e Itália), com recurso a modelos Boeing B757 convertidos.
Recorde-se que, no âmbito do seu serviço Prime, a Amazon já firmou, nos EUA, acordos com as companhias Atlas Air e a ATSG com vista ao fretamento de quarenta aviões de carga Boeing 767, além disso, o investimento no sector aéreo tem vindo a ganhar maior opulência na Amazon, com o anúncio da construção de um novo hub de carga na zona de Cincinnati, que poderá custar até cerca de 1,2 mil milhões de euros.
Na visão do CEO da ASL Aviation Group (detida com 51% pelo grupo marítimo belga CMB e 49% da 3P Air Freighters Ltd), este passo será benéfico para ambas as companhias e será a forma ideal de acompanhar os novos hábitos de consumo e a cada vez mais inegável pujança do comércio electrónico.

adaptação do texto publicado na revista “Cargo Noticias
(3 Abril 2018)

Artigos relacionados

Mais em Europa, Ground Handling (117º de 659 artigos)

«O grupo Sousa, Madeira, é o único interessado no concurso de transporte aéreo de carga e correio entre os Açores e o Continente. Os madeirenses concorrem em consórcio com o operador aéreo DB ...