pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, América do Norte

Carga Aérea – A UPS recupera Boeing B747 com a encomenda de 14 cargueiros

UPS uma frota de mais de 500 aeronaves

«O Boeing 747 parecia caminhar a passos largos para o fim de linha da sua produção, dada a falta de procura do modelo para o transporte de passageiros. Porém, as previsões podem ter sido precipitadas – isto porque o modelo tem captado o interesse por parte dos operadores aéreos de carga.

A UPS acaba de submeter uma encomenda de 14 Boeing 747-F, uma conversão a cargueiro do célebre modelo de passageiros que ganha assim nova vida e poderá continuar a ser produzido pela fabricante norte-americana.
A encomenda de 14 cargueiros Boeing 747 surgiu poucas semanas depois da Delta Air Lines deixar de operar o seu último 747, ditando o fim dos serviços de passageiros para este modelo nos Estados Unidos. E acaba por dar razão à Boeing que já tinha antecipado um futuro do modelo 747 enquanto cargueiro.
No final de 2017, a Boeing tinha apenas 12 encomendas para o 747, 11 delas por parte da UPS – que submeteu agora 14 novas encomendas e garantiu, pelo menos, mais dois anos de produção do modelo, uma vez que a Boeing fabrica seis destas unidades/ano.
UPS aumenta frota em resposta ao crescimento da procura. A UPS tem ainda quatro encomendas de cargueiros Boeing 767, numa corrida a novas unidades que foi impulsionada pelo crescimento da procura. A encomenda de 14 Boeing 747 está avaliada em 5.65 mil milhões de dólares – preço de catálogo que estará sujeito a descontos. Ao todo, a UPS tem agora 32 encomendas de cargueiros de vários modelos da Boeing, os quais serão entregues até final de 2022. Hoje, a UPS tem uma frota de mais de 500 unidades, próprias e em regime de leasing.»

artigo publicado na “Cargo Revista
(6 Fevereiro 2018)

 

Artigos relacionados

Mais em América do Norte, Ground Handling (65º de 511 artigos)

A Qatar Airways Cargo formalizou, junto da Boeing, a intenção de comprar cinco aviões cargueiros Boeing 777, num negócio que será fechado por 1,7 mil milhões de dólares. Este modelo tem capacidade para ...