pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Ground Handling, América do Norte

Carga aérea – Amazon Air inaugura o novo hub no Cincinnati/Northern Kentucky Airport

O moderno centro de carga da Amazon, um investimento de 1,5 mil milhões de dólares em Cincinnati/Northern Kentucky International Airport, levou quatro anos a ser construído: possui 74 mil metros quadrados,

distribuídos por sete edifícios. Na sequência da inauguração, a Amazon salientou que a nova plataforma está equipada com o «uso inovador de tecnologia robótica que ajuda a movimentar e a classificar embalagens, incluindo braços robóticos e unidades de energia móveis que transportam essas mesmas embalagens».
O hub de carga do colosso do comércio electrónico está dotado com transportadores inter-conectados e estações de trabalho ergonómicas que fornecem um ambiente de trabalho confortável para os funcionários. «Estamos empolgados por começar a operar no Norte do Kentucky (EUA) e estamos muito satisfeitos em empregar milhares de pessoas fantásticas nesta instalação altamente sofisticada e de última geração que conectará a nossa rede de carga aérea nos próximos anos», declarou a vice-presidente da Amazon Global Air, Sarah Rhoads.
A infra-estrutura tem vagas de estacionamento para 100 cargueiros e empregará vários milhares de novos trabalhadores. Recorde-se que a gigante do comércio electrónico tem expandido de forma intensa a sua subsidiária de transporte aéreo de mercadorias nos últimos anos, assim acompanhando a evolução pujante do comércio electrónico (principalmente com a pandemia de COVID-19) e a exigência de menores tempos de entrega.
Recorde-se que, nos Estados Unidos da América (EUA), a Amazon, criada pelo magnata e empresário Jeff Bezos, está presente em mais de 40 localidades e, no que toca ao continente europeu, lançou o seu hub aéreo de carga no decorrer do ano de 2020 no aeroporto alemão de Leipzig/Halle.

Artigos relacionados

Mais em América do Norte, Ground Handling (103º de 775 artigos)

«Um modelo Boeing B767-300 consta, recentemente, no registo da Administração Federal de Aviação (Federal Aviation Administration – FAA)  tendo como proprietário a Amazon ...