pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

A FAA exige inspeção aos Boeing 737

Caudas do Boeing B737

As companhias aéreas americanas foram ordenadas a inspecionar mais de mil aeronaves modelo 737 da Boeing. O objetivo é verificar a presença de partes defeituosas que poderiam levar à perda de controle do avião.
O órgão federal de administração da aviação nos Estados Unidos (FAA) emitiu hoje um documento que exige das companhias que verifiquem certos componentes da cauda do 737. A preocupação do FAA é quanto à correta aplicação de uma camada de anticorrosivo nos pinos que sustentam estruturas da cauda da aeronave.
A medida do FAA atinge diversas versões do 737, incluindo as recentes 737-800 e 737-900. O órgão estima que os custos de inspecionar as aeronaves e substituir pinos defeituosos possam alcançar US$ 10 milhões.

adaptação do texto publicado na página de internet “Valor”
(15 Abril 2013)

 

 

 

Artigos relacionados

  • Itália - Lançada a nova companhia aérea Air Italy
  • A Emirates reduz custos de combustível com a impressão de componentes em 3D
  • São Tomé e Príncipe - Queda de aeronave condiciona movimento aéreo no aeroporto internacional
  • Brasil - Embraer entrega 225 aeronaves em 2016
  • Angola - TAAG com mais dois Boeing B777 aumenta frequências para Lisboa
  • Aeroportos europeus - denso nevoeiro perturbou tráfego aéreo
Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

«Um modelo Boeing B767-300 consta, recentemente, no registo da Administração Federal de Aviação (Federal Aviation Administration – FAA)  tendo como proprietário a Amazon ...