pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

Aeroporto de Beja realizou primeira operação de carga aérea

«O aeroporto de Beja realizou, esta quarta-feira, a primeira operação de carga, promovida pela empresa de logística UTi e que serviu para testar a operacionalidade dos meios para operações do género, revelou à agência Lusa o diretor da infraestrutura.
A operação de carga aérea foi efetuada através de um avião da companhia aérea alemã BinAir Bin, o qual partiu às 14.45 horas do aeroporto de Beja em direção ao de Colónia, na Alemanha, transportando vários equipamentos, precisou Pedro Beja Neves.
“O negócio de carga é muito importante para o aeroporto de Beja e havia que testar a operacionalidade dos meios e dar um primeiro passo para mostrar ao mercado que as operações de carga são possíveis” a partir da infraestrutura aeroportuária alentejana, disse o responsável.
A operação foi “simples”, “correu bem” e “revestiu-se da maior importância”, porque foi “a primeira de muitas que se poderão seguir” e serviu para “demonstrar que estamos a dar mais um passo no sentido de viabilizar mais uma linha de negócio” no aeroporto de Beja, referiu.
O terminal de carga do aeroporto de Beja “está apetrechado para qualquer operação de carga aérea” e pode ser “mais um catalisador para o desenvolvimento económico da região”, salientou.
Segundo o responsável, a operação demonstra “o interesse e o empenho” da UTi Portugal em desenvolver o seu negócio de carga aérea a partir do aeroporto de Beja, onde tem um escritório desde 2012.
A ANA e a UTi Portugal estão “a trabalhar no sentido de realizar mais operações de carga aérea” a partir do aeroporto de Beja, disse Pedro Beja Neves, referindo que, para já, não pode confirmar datas.
De acordo com a ANA, a UTi Portugal abriu um escritório no aeroporto de Beja para apoiar empresas exportadoras da região e de Espanha, esperando ainda redireccionar para a infraestrutura parte dos seus voos “charter”.
A UTi é uma empresa internacional que fornece soluções para a cadeia de abastecimento e está presente em mais de 63 países com 360 escritórios e 240 centros logísticos.
A empresa oferece serviços transitários nos transportes aéreo, marítimo e rodoviário, logística de contrato, serviços de desalfandegamento, distribuição, logística interna e outros serviços de gestão da cadeia de abastecimento.»

artigo publicado no “Jornal de Noticias
(27 Março 2013)

 

 

Artigos relacionados

Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

O hangar de manutenção de aviões no aeroporto de Beja da empresa Mesa iniciará o seu funcionamento em outubro, começando a operar por fases ...