pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

Alemanha – Adiada a abertura do novo aeroporto de Berlim

TAP regressa à capital alemã 12 anos depois
nw-Aeroporto_Berlim

«A abertura do novo aeroporto de Berlim, marcada para 03 de junho, foi adiada devido a problemas no sistema de proteção contra incêndios, que impedem a entrada em funcionamento do terminal, anunciou hoje a respetiva administração.
As referidas instalações técnicas “não têm ainda um grau que permita obter a autorização para serem usadas, e por isso o terminal não pode começar a funcionar na data prevista”, disse em Berlim Rainer Schwarz, porta-voz da administração do novo aeroporto.
O mesmo responsável adiantou ainda que a nova data da inauguração só será anunciada após as férias de verão, e que os voos que deveriam ser operados já no novo aeroporto deverão ser efetuados a partir dos atuais aeroportos de Tegel e de Schoenefeld, que deveriam encerrar a três de junho, com a abertura do novo aeroporto, mas que assim se manterão abertos, para tal, estão já a decorrer contactos com as companhias aéreas abrangidas, adiantou ainda Schwarz.
“Esperamos que o novo aeroporto abra o mais depressa possível, logo a seguir às férias do verão, mas não podemos adiantar hoje uma nova data”, disse na mesma conferência de imprensa o burgomestre de Berlim, Klaus Wowereit.
“Ninguém tem de recear, no entanto, não poder ir de férias” por causa de uma eventual supressão de voos, garantiu o autarca berlinense.
O governador de Brandeburgo, Matthias Platzeck, sublinhou, por seu turno, que se espera a abertura de Scheonefeld “o mais tardar na segunda quinzena de agosto”. O novo aeroporto, situado no sudeste de Berlim, em Schoenefeld, já na região vizinha de Brandeburgo, é um projeto ultramoderno de dois mil milhões de euros, com capacidade para acolher mais de 20 milhões de passageiros por ano.
É a segunda vez que a data de abertura é adiada, a inauguração já tinha sido anunciada para novembro de 2011, mas foi protelada por sete meses, devido a atrasos na execução das obras.
O novo adiamento afectará, sobretudo, as duas grandes transportadoras alemãs, a Lufthansa e a Air Berlin, mas também a TAP, que planeia inaugurar a nova rota direta Berlim-Lisboa-Berlim a 05 de junho, a partir do novo aeroporto, e efetuar esta ligação cinco vezes por semana.
A transportadora aérea portuguesa regressa, assim, à capital alemã 12 anos depois de ter suprimido o anterior voo direto Berlim-Lisboa, que na altura operava a partir de Berlim-Tegel, mas que deixou de ser rentável.
“A TAP é hoje em dia uma companhia aérea completamente diferente do que era em 1999, e Berlim também passou a ser uma cidade mais atrativa, quer como mercado, quer como destino turístico”, disse a empresa portuguesa no comunicado de dezembro de 2011 em que anunciou a nova ligação.
A abertura de Berlim-Schonefeld implicará o encerramento definitivo do aeroporto de Tegel, na parte ocidental da cidade, e do atual aeroporto de Schoenefeld, a funcionar nas instalações do antigo aeroporto da capital da Alemanha comunista, Berlim-Leste, desde a reunificação alemã, em 1990.
A mudança seria uma gigantesca operação logística, na noite de dois para três de junho, para reduzir ao mínimo a interrupção do tráfego aéreo na capital alemã, terá agora de ser reformulada, devido ao adiamento da abertura do novo Schoenefeld, entretanto batizado com o nome do malogrado chanceler alemão Willy Brandt.
O outro aeroporto que serviu Berlim durante várias décadas, em Tempelhof, também na parte ocidental, e mesmo no centro da cidade, foi encerrado em outubro de 2008.»

Lusa, artigo publicado na página de internet “Rtp Noticias
(8 Maio 2012)

Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

«As companhia aéreas britânica e irlandesa são as mais conhecidas no mercado dos bilhetes a baixo custo. Mas há muitas outras opções a passar pelos aeroportos portugueses. ...