pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

Brasil – Aeroporto de São Gonçalo do Amarante adjudica torre de controlo à espanhola Indra

«A empresa espanhola Indra se adjudicou o contrato para equipar tecnologicamente a torre de controle do aeroporto da cidade de Natal, que foi o primeiro terminal aéreo concedido a uma empresa privada no Brasil, informou nesta terça-feira a multinacional. O contrato assinado nesta terça-feira compromete a Indra a oferecer os sistemas de gestão automatizada da torre de controle do aeroporto de São Gonçalo do Amarante, segundo um comunicado da companhia, que é uma das principais empresas de consultoria e tecnologia da América Latina e Europa. A Indra foi escolhida mediante um concurso pelo consórcio Inframérica, um grupo do qual faz parte a empresa argentina Corporação América e que em 2011 adjudicou a concessão para construir e operar por 25 anos o aeroporto de São Gonçalo do Amarante, um dos municípios da área metropolitana de Natal. O contrato inclui a provisão de uma Estação Integrada de VHS, de um Sistema de Comunicação de Voz, de um Sistema Integrado de Torre de Controle, de um Sistema de Gestão de Torre de Controle e do Sistema de Gravação e Reprodução de Áudio, afirma a empresa. O projeto equipará o aeroporto de Natal com as tecnologias mais modernas de “automatização das rotinas operacionais típicas de torres de controle”, assegura a Indra, cujos sistemas, segundo a nota, já estão instalados nas torres de controle de alguns dos mais modernos aeroportos do mundo. O contrato representa o primeiro da Indra no setor aeroportuário no Brasil e reforça a presença da empresa no mercado latino-americano, segundo o diretor de Air Traffic Management (ATM) e Aeroportos da empresa no Brasil, Sérgio Martins. A empresa espanhola, no entanto, já tinha se adjudicado em 2011 um contrato para vender dois radares móveis para a Comissão de Implantação do Sistema de Controle do Espaço Aéreo (Ciscea) do Brasil. “Estamos investindo para atender a crescente demanda de modernização aeroportuária do Brasil, impulsionada principalmente pelos grandes eventos esportivos previstos para os próximos anos”, afirmou Martins ao se referir à Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016. O aeroporto de Natal, cuja entrada em operação está prevista para abril de 2014, terá capacidade para atender 6,2 milhões de passageiros por ano, o que o transformará no quarto maior do país. O Governo espera que o terminal gere novas oportunidades de negócios para as empresas do estado do Rio Grande do Norte e de toda a região nordeste do Brasil, e que aumente o turismo em um litoral que já conta com importantes balneários e sol o ano todo»

artigo publicado na página de internet “R7 Noticias
(3 Setembro 2013)

Artigos relacionados

Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

«A Indra ganhou o concurso público internacional, do Ministério da Defesa da Dinamarca (através da Organização de Aquisição Logística Danesa – DALO), para o fornecimento de radares de ...