pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

Guiné-Bissau – Empresários turcos com proposta para a reabilitação do aeroporto

«Um grupo de empresários turcos de diferentes áreas está na Guiné-Bissau, a convite do Governo de transição, em busca de futuros negócios em sectores como comunicações e construção civil, segundo noticia a Lusa .
O grupo, composto por 11 empresários, encontrou-se com o primeiro-ministro, Rui de Barros, e outros ministros.
Hoje (quinta-feira), os empresários visitaram o aeroporto internacional de Bissau, tendo recebido informações detalhadas do director da Agência da Aviação Civil da Guiné-Bissau, Nuno Na Bian.
“O nosso aeroporto precisa de muito trabalho (…) a nós interessa-nos a segurança do aeroporto, a construção de infraestruturas. Visitaram a pista, a placa do estacionamento, que está completamente destruída”, disse Na Bian após uma visita a algumas infraestruturas.
O director da Agência da Aviação Civil guineense disse que dentro de algumas semanas os empresários turcos farão chegar ao Governo guineense propostas concretas para a reabilitação do aeroporto Osvaldo Vieira, de Bissau.
Emir Kampulat, que falava pelo grupo, afirmou que o seu país está a apostar forte no desenvolvimento de parcerias com os países africanos.
“O nosso Governo está a apoiar os nossos empresários para investirem em vários países africanos. Neste momento temos 32 embaixadas em África. Já foi indigitado o nosso embaixador para a Guiné-Bissau, para o ano ele vem cá apresentar as cartas credenciais”, notou Emir Kampulat.
“Queremos tomar parte no desenvolvimento da Guiné-Bissau”, frisou Kampulat, adiantando que a Turquia tem disponível uma linha de crédito para investir na Guiné-Bissau.
“As nossas relações estão a melhorar dia após dia. Vamos ter 300 milhões de euros para investir na Guiné-Bissau. É claro, com algumas condições”, enfatizou o empresário turco, cuja missão foi considerada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros guineense, Faustino Imbali, de “magnífica para a imagem” da Guiné-Bissau.
Além das infraestruturas aeroportuárias, os empresários turcos, que terminam a visita na sexta-feira, também recolheram informações sobre os portos, construção civil, pesca, telecomunicações e minas.»

artigo publicado na página de internet “Angola Press”
(6 Junho 2013)

Artigos relacionados

Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

A Euroatlantic, companhia aérea portuguesa, estuda a possibilidade de aumentar a frequência de voos para Bissau, anunciou hoje o diretor comercial adjunto, Rui Santos, num encontro com empresários na capital ...