pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Notícias

Moçambique – Construção e modernização de aeroportos

Novos aeroportos em Pemba, Nacala e Tete
nw-Aeroportos_Moçambique_1

«O sistema aeroportuário de Moçambique vai absorver investimentos estimados em 500 milhões de dólares ao longo dos próximos três anos, de acordo com dados divulgados em Maputo no decurso da reunião nacional da empresa Aeroportos de Moçambique.
O jornal adianta que parte daquele montante está já a ser aplicado na construção de novos aeroportos em Pemba, Nacala e Tete, bem como na modernização do Aeroporto Internacional do Maputo, sendo que até à data já foram investidos no sistema cerca de 200 milhões de dólares.
O presidente da Aeroportos de Moçambique, Manuel Veterano, salientou haver a expectativa de que os investimentos realizados e a realizar terão como resultado o aumento da taxa de utilização do sistema aeroportuário moçambicano, quer de passageiros quer de carga, mas reconheceu que em 2011 o número de passageiros domésticos registou um decréscimo depois dos aumentos de 2009 e 2010.
Manuel Veterano justificou a queda registada no número de passageiros domésticos com o facto de a principal operadora aérea nacional – a Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) – não estar a atravessar bons momentos, do ponto de vista de aeronaves, bem como o elevado custo das passagens.
Em contrapartida, o número global de passageiros aumentou 13% nos últimos três anos, induzido pelo crescimento em 43,8% e 11,6% dos viajantes regionais e internacionais, respectivamente, como resultado da entrada de novos operadores.
Manuel Veterano disse ainda que este ano deverá ficar concluída a segunda fase da modernização do Aeroporto Internacional de Maputo e o início das operações experimentais no terminal doméstico e será iniciada a construção do aeroporto de Nacala»

artigo publicado na página de internet “Macauhub”
(22 Fevereiro 2012)

Artigos relacionados

Mais em Notícias (779º de 779 artigos)

«O Aeroporto de Nacala, norte de Moçambique, já possui certificado para operações internacionais, um ano depois de sua inauguração, anunciou o Instituto de Aviação civil de Moçambique (IACM). ...