pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Opinião

O fenómeno low cost em Portugal de 1995 a 2011

INAC, I.P. publica Estudo sobre “Impacto das Transportadoras Aéreas de Baixo Custo no Transporte Aéreo Nacional [1995-2011]”
O estudo que agora se apresenta tem como objetivo analisar o impacto da entrada das transportadoras de baixo custo no transporte aéreo nacional.
O modelo de negócio desenvolvido pelas companhias de baixo custo é originário dos Estados Unidos da América e surge na Europa no contexto de desregulamentação decorrente da entrada em vigor do terceiro pacote de liberalização do transporte aéreo.
A entrada das companhias LCC no transporte aéreo em Portugal verificou-se em 1995, com o início das operações da Air Berlim e da Ryanair. Em 1997 surge a Virgin Express e, até 2001, estas eram as únicas transportadoras a oferecer tarifas de baixo custo em algumas rotas não regulares com destino à Alemanha, Irlanda e Bélgica.
Em 2011 eram 20 as companhias LCC a operar em Portugal, considerando as falências e as fusões ocorridas desde 2007 e, conjuntamente, respondiam por 23% do total de movimentos comerciais e por 37% do total de passageiros transportados.

Artigos relacionados

Mais em Opinião (25º de 25 artigos)

A ANAC publica Relatório Semestral relativo às Reclamações de Passageiros do Transporte Aéreo, referente ao 1º semestre de 2023.  No âmbito das disposições constantes do Decreto-Lei n.º 40/2015, de ...