pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Tráfego Aéreo, África

Angola – Consórcio russo constrói e financia o primeiro satélite de Angola

«O projecto de concepção e construção do primeiro satélite de Angola, Angosat-1, tem um custo estimado em 300 milhões de dólares, disse sábado em Luanda o ministro das Telecomunicações e das Tecnologias de Informação.
José Carvalho da Rocha disse ainda que aquele montante envolve diversos contractos adicionais relacionados com o projecto, como o contrato do edifício do Centro de Controlo e Missão bem como a gestão da posição orbital do satélite.
O ministro falava no final de uma visita de constatação e avaliação das infra-estruturas que vão manter a operacionalidade do primeiro satélite angolano, na comuna da Funda, município de Cacuaco, em Luanda, que têm conclusão prevista para o primeiro trimestre de 2017.
O Centro do Controlo e Missão, cujo edifício com três pisos levou cerca de seis meses a construir, ocupa um terreno com 6600 metros quadrados e terá por missão controlar, rastrear e fazer a telemetria dos dados enviados pelo Angosat-1.
O Angosat-1 terá um centro primário de controlo e missão em Angola e outro secundário na Rússia.
O consórcio russo que constrói e financia o satélite integra as empresas S.P. Korolev Rocket and Space Corporation Energia (RSC Energia), Telecom-Projecto 5 e Rosoboronexport, que lidera o grupo.»

artigo publicado na página de internet “Macauhub”
(22 Fevereiro 2016)

Artigos relacionados

Mais em África, Tráfego Aéreo (8º de 237 artigos)

Novo Aeroporto Internacional de Luanda António Agostinho Neto, com um custo de 2,8 mil milhões de dólares (2,5 mil milhões de euros), vai ser inaugurado a 10 de novembro próximo, anunciou o ministro dos ...