pista73.com

conteúdos de aviação comercial

Inicio

Tráfego Aéreo, Europa

Portugal – Tráfego aéreo, movimento de aeronaves, março 2020

«A NAV Portugal revelou que geriu menos 24,3 mil voos em Março: um registo que traduz uma quebra de 36% face ao mesmo mês do ano passado,

tendo-se registado um total de 42,8 movimentos, devido ao impacto da pandemia da Covid-19.
Segundo os dados preliminares da gestora aeroportuária, ecoados pela Lusa, «os números evidenciam o impacto da pandemia de covid-19 e das diversas medidas assumidas por vários Estados para conter o ritmo de contágio, medidas que determinaram quedas abruptas no sector da aviação civil a nível global». A NAV espera quedas «mais pronunciadas» no presente mês; o tráfego em Janeiro e Fevereiro ter estado em linha com 2019.
Tendo em conta apenas a última semana do mês, a quebra do tráfego superou os 85%, sendo expectáveis em Abril quebras a rondar os 85% e 95%. «A queda acentuada do tráfego aéreo é bastante preocupante, por tudo o que tal representa em termos de impactos na economia», referiu o presidente da NAV, citado na missiva. O total de “movimentos” geridos pela NAV inclui não apenas os voos com origem/destino em aeroportos portugueses, mas também aqueles que sobrevoam o espaço aéreo sob responsabilidade portuguesa, que totaliza mais de 5,8 milhões de Km2.
«Apesar da quebra do tráfego no mês de Março, como um todo, se ter situado em 36%, sublinhe-se que foi a partir do dia 16 que se iniciou um ciclo de quebras cada vez mais acentuadas à medida que diversas ligações começaram a ser suspensas. Desta forma, e dividindo o mês de Março em dois, nota-se que na primeira metade a NAV Portugal geriu perto de 31,8 mil voos, uma redução de apenas 2% face ao mesmo período de 2019. Já na segunda metade do mês, a NAV controlou perto de 12 mil voos», pode ler-se no comunicado.
Recorde-se que que, a 10 de Março, foram suspensos os voos para Itália. Seguiu-se a suspensão de voos europeus para os EUA, no dia 13, e no dia 17 as ligações entre Portugal e Espanha. A 19 de Março, a União Europeia suspendeu os voos extra-comunitários. As suspensões de ligações aéreas irão manter-se, para além do fecho temporário dos aeroportos lusos; diversas companhias anunciaram que a maioria dos seus aviões permanecerá em terra durante o próximo mês de Maio.»

Dados da NAV – março 2020 (Pdf)

Artigos relacionados

Mais em Europa, Tráfego Aéreo (62º de 670 artigos)

O aeroporto de Lisboa com novo recorde 709 voos num só dia, o anterior era de 2018 com 685 voos. ...